RED Canids é a campeã CBLOL 2022 do primeiro split

A RED Canids é campeã da Primeira Etapa do CBLOL 2022! A Matilha superou a paiN Gaming por 3-2 e uma série extremamente equilibrada e tensa, que levou o público de cerca de 150 pessoas à loucura. É o terceiro título de CBLOL para a RED, que empata em taças com a própria paiN Gaming.

Além de R$ 100 mil, a RED Canids também leva para casa a vaga brasileira para o MSI 2022, que será disputado na Coreia do Sul.

Abrindo a série, a paiN Gaming se aproveitou da sua barulhenta torcida para pressionar a RED Canids desde o começo. Cariok foi o principal responsável pela vantagem que a paiN acabou construindo, ao emboscar principalmente as rotas laterais e colocar tanto Wizer quanto Trigo na vantagem. Damage também ajudou dyNquedo a conquistar a sua, e logo a paiN inteira estava forte. A RED não conseguia bater de frente, e aos poucos cedeu terreno, perdendo torres, Dragões e até Barão. Uma hora a conta chegaria: com a base adversária já parcialmente destruída, bastou forçar um pouco mais para a paiN inaugurar o placar na final.

Se Cariok fez a festa no primeiro jogo, o segundo foi de Aegis. O melhor jogador de 2021 puxou a responsabilidade no áudio aberto da equipe, e dentro da partida colocou suas rotas em vantagem e dominou o rio e os Dragões. A paiN só conseguiu responder em algumas poucas ofensivas no começo de jogo, e após um tempo sem nenhuma ação no mapa, a RED deslanchou após vencer luta e conquistar a alma do Dragão Hextech. O Barão veio na sequência, mais um ace e a base destruída. A Md5 virava Md3!

Com dois jogos unilaterais, o desempate na série veio em partida equilibrada. A RED até começou melhor, mas uma luta torta na própria selva deu quatro abates para a paiN em jogada incrível de dyNquedo. Os Tradicionais seguraram o jogo, trocando objetivos e respeitando a RED. Já perto do late game, a paiN fez sua composição valer a pena, iniciando rapidamente com Hecarim e Vex e aproveitando o dano de Jayce e Aphelios. A Matilha ficou acanhada e a paiN cresceu, duas lutas depois já comemoravam a vitória.

Quem se esconde de jogo quando a pressão é a mais alta possível não pode ser pro player. Com as costas contra a parede, a RED não tremeu, aliás muito pelo contrário. Uma luta estranha da paiN em invasão cedo na selva adversária colocou a Matilha na frente. A vantagem de Aegis sobre Cariok fez com que a RED dominasse o rio e os objetivos. Tentando não deixar a adversária deslanchar, a paiN tentou contestar Dragão em timing errado e foi severamente punida. A partir deste momento a Matilha simplesmente engatou a quinta marcha e atropelou a paiN: 21-6 em abates e vitória da RED aos 28 minutos.

Na derradeira partida a RED começou dominando nos abates, mas a pressão das rotas da paiN, principalmente no bot, equilibravam o jogo. Com dois Dragões e Arauto nas mãos, parecia que a Matilha tinha leve vantagem, mas precisávamos aguardar a primeira luta. Quando ela aconteceu, a Matilha provou o ponto: abateu três jogadores e ficou a um Dragão da alma do Oceano. Depois, virou um atropelo novamente. A paiN sentiu o baque da primeira luta e ficou perdida no mapa e nas ações, e facilitou o trabalho da RED Canids, que foi consistente, cirúrgica e CAMPEÃ!

Campeã da Primeira Etapa do CBLOL 2022, a RED Canids agora será a representante do Brasil no Mid Season Invitational, que acontece a partir de 10 de maio na Coreia do Sul. É a segunda vez que a equipe disputa o campeonato internacional. Em 2017, quando venceu a Primeira Etapa, a RED disputou o MSI e foi eliminada na Fase de Entrada com quatro vitórias e duas derrotas.

The enemy

Redação

Redação geral do mundo dos otakus 🕹💻📄🇧🇷

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem